Caminho errado.

09:00

Allspiritways

O que tínhamos em comum? Talvez a mesma vontade de descobrir o mundo. Sua casa era repleta de móveis ditos memoráveis. As paredes eram cobridas por um papel, que ao ser analisado com paciência, revelavam linhas geográficas envoltas em diversas espécies de flores. Havia uma pequena mesinha central, com um antiga marca na perna direita. Os sofás eram coloniais, com enormes almofadas; todas as vezes que o vira me perguntava se uma daquelas poderia me engolir por serem tão grandes e macias. Em uma das paredes havia um quadro de fotos com diversos grandes monumentos. Paris, Washington, Amsterdã, Cairo, Rio de Janeiro, dentre outras. O sonho que possuía de visitar todos aqueles pontos era encantador, seus olhos brilhavam quando me contava todas as curiosidades e particularidades de cada lugar; coisas que imagino que nem mesmo os habitantes locais deviam saber, era uma ótima pesquisadora. Definitivamente irei sentir falta de seus olhos vidrantes ao imaginar uma grande descoberta. É crueldade ou uma dádiva, passar seus últimos momentos vivenciando um de seus sonhos? O destino, ou a vida, como preferir, possuem seus próprios caminhos; errados, estamos nós de cruzá-los. 

Elcimar Reis.

Você também pode gostar:

Comentários
13 Comentários

13 mil comentários

  1. Esse texto me fez lembrar uma passagem do livro Cidades de Papel...
    Gostei bastante, a cada dia que passa me surpreendo mais e mais com seus textos. Com a maneira como escreve. Isso sempre me encanta mais e mais *-*

    Beisus :3
    http://asalvarmomentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Elcimar!
    Adorei o texto, de coração.
    Seu texto me comoveu bastante.
    Você está de parabéns!
    Grande Abraço.
    http://destroyeddreams42.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Adorei seu texto, muito bonito! Você escreve muito bem, o conjunto de palavras que você usa, e o jeito que escreve, as pessoas que estão lendo conseguem perceber que você escreve com paixão, e pra qualquer pessoa que valorize a leitura isso é maravilhoso!
    Beijos :**

    http://mar-de-ideia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi tudo bem? encontrei seu blog em meio a outros que costumo visitar e curti, já tive um blog assim com textos o Viver Sem Limites a grande maioria textos de minha autoria sei como é difícil e estou acompanhando vc já agora estou com outro blog a mais de um ano e meio o Style Drops se quiser conhecer só passar lá http://blogstyledrops.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Escreveu sobre mim -n "o sonho que possuía de visitar todos aqueles pontos era encantador..." assim como todos os textos que tu escreve, perfeito *o*
    Nerdices [www]

    ResponderExcluir
  6. Esse texto me fez lembrar tanta coisa boa *0*
    Não fui só eu, disso tenho certeza, que me senti aconchegada nesse sofá colonial com essas enormes almofadas!
    Que cheiro de nostalgia ~.~
    ótimo texto, Elcimar, como sempre c:
    Verdes Vales onde Voam os Dragões ☼

    ResponderExcluir
  7. Já disse que adoro seus textos? Incrível, mais uma vez.

    Controvérsias

    ResponderExcluir
  8. Adorei o texto, achei tão nostálgico... muito bom, tu escreve bem!

    Beijos! http://sugar-dance.org/blog

    ResponderExcluir
  9. Gente, você escreve super bem =D Texto muito bom!

    ResponderExcluir
  10. Genial como sempre...

    Estou de volta meu caro ;)

    http://unrealskepseis.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. É a minha primeira vez aqui, adorei a maneira que você escreve, fiquei com gostinho de 'quero mais'. Parabéns.
    Beijos, Emy!
    BlogFacebook

    ResponderExcluir
  12. Que texto lindo, saudades de quando eu tinha inspiração e me vinham textos toda vez que fechava os olhos!

    www.teendiary.com.br

    ResponderExcluir
  13. que texto lindo!
    eu consegui imaginar tudo que vc escreveu... maravilhoso!
    ps. blog lindo!

    beijão da Lari <3
    www.callmelari.com

    ResponderExcluir

Já curtiu?

+ Lidas