O quebra-cabeça social.

10:01

burj khalifa

Algumas vezes penso ser a única pessoa no mundo capaz de imaginá-lo talvez da forma que realmente seja. Ou a única pessoa no mundo capaz de olhar pra si mesmo e perceber os erros e as cicatrizes que me compõem. Porém creio não ser, e assim espero. Somos resultados do meio em que vivemos e das pessoas que nos dizem "Bom dia!", moldados pelas palavras e ordens que ouvimos desde sempre. Porém até qual ponto pode ser algo positivo ser apenas o resultado? Me chamam de rebelde e até mesmo louco, mas na verdade sou apenas eu, olhando pra dentro e construindo alguém. 

Elcimar Reis. 

Você também pode gostar:

Comentários
7 Comentários

7 mil comentários

  1. Que texto incrível, adoro todos desse autor *u* Seguindo aqui
    Abraços do Panda~ visita?! http://panda-blogueiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá Elcimar!
    Seus textos são perfeitos, adoro eles.
    Continue sendo esse ótimo blogueiro que você é!
    Um grande abraço!
    http://destroyeddreams42.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. U.u
    Gosto de todos os seus textos, eles sempre me surpreendem e me fazem pensar em alguma coisa diferente. Esse me fez pensar em mim mesmo e no mundo.

    ||TERRA DE FAGULHAS

    ResponderExcluir
  4. Que texto incrível, me descreveu detalhadamente!
    O Diário de Sally Carter [www]

    ResponderExcluir
  5. haha, muito bom, conseguiu descrever a evolução antropológica numa forma surpreendente... Me vi no texto...

    http://blogpensamentosirreais.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Pois é.
    Acho que o mundo onde as pessoas vivem influencia muito em quem ela se tornará, mas gosto de acreditar que nem todo mundo é assim, moldado na forma de onde veio. Gosto de pensar que podemos escolher quem seremos, independente de onde vivemos e onde viemos.
    Olhar pra nós mesmo e reconhecer o que temos de errado é tão importante quanto ver o lado positivo.

    ResponderExcluir

+ Lidas