Opinião de "A Menina que Não Sabia Ler." - volume 2.

09:00


Embora esteja desacreditado de que existam muitos leitores atualmente no blog não posso deixar de expressar minha opinião sobre um obra tão grandiosa aos poucos que ainda restaram. Terminei minha leitura de "A Menina que não Sabia Ler - vol 2." de John Harding. Comecemos pelos fatos relacionados ao livro. Diferentemente do volume 1, resenha aqui, onde toda a estória foi narrada pela personagem principal "Florence" em primeira pessoa do discurso, no segundo volume conhecemos um novo narrador chamado Dr. John Shepherd, também narrado na primeira pessoa. Shepherd consegue uma segunda chance em sua vida, depois de um passado frustrante, encara uma proposta de emprego em um Hospício localizado em ilha; John no desenrolar da estória conhece a maneira torturante como são tratadas as pacientes do lugar além das personagens extremamente peculiares que o compõem. A graciosa Florence aparece de outra forma nesse segundo volume, a qual eu particularmente gostei bastante. 
O livro inicialmente é cansativo, tanto que me levou a abandoná-lo quando o comecei; porém, depois de algumas outras páginas começamos a entender o que realmente está acontecendo nessa misteriosa ilha bem parecida com Blithe House do primeiro livro. A partir desse momento deixar a leitura é extramente fora de cogitação. 
John Harding constitui um ambiente terrivelmente formado por segredos e distintas mentes, o objetivo em cativar o leitor e o impor à questionamentos psiquiátricos na minha opinião foi alcançado com extremo êxito, pelo menos em meu caso, porque enquanto o lia também dei-me ao trabalho de procurar resenhas sobre o mesmo, as mesmas que não foram positivas, o que me levou a seguinte conclusão: John Hardind é para pessoas inteligentes! 
Claramente indico a leitura de "A Menina que não Sabia Ler - vol 2" tanto quanto o volume um; além disso dou-lhes uma ressalva aos finais extramente cativadores que ambos os livros possuem. E estarei sempre disposto à discutir com qualquer um que dispuser de opiniões contrárias às minhas. Harding, assim como Dan Brown, é um dos autores preferidos. 


A menina que não sabia ler. - volume 2. 
John Harding.  
Editora Leya. 
287 páginas. 
* * * * * - Indicadíssimo. 

 Postagens relacionadas:

Elcimar Reis. 

Você também pode gostar:

Comentários
2 Comentários

2 mil comentários

  1. Se é tão bom quanto Dan, vou comprar todos os livros que ele tiver uhehauehuahe, já estou com muita vontade ler essa série antes de assistir o filme, e agradeço por incentivar haha.

    Abraços.

    {Blog Pensamentos Irreais}  {Twitter}   {Fan Page}


    ResponderExcluir
  2. o pessoal fala que esse livro é meio confuso daí fiquei sem vontade de ler :( não sabia que tinha um volume dois! hahaha, isso deve explicar muita coisa. adorei a resenha e fiquei morta de vontade de ler!

    ResponderExcluir

Já curtiu?

+ Lidas