Escolha poder escolher.

16:36

Imagem de grunge, girl, and hair

     Há complexidade em trilhar novos caminhos; há a necessidade em tornar "coragem" um sentido literal da palavra. Contudo, não há saídas. Tu decides, mesmo quando não o quer. Escolhes, mesmo quando outras opções se escondem, mas astuto como é, tu as acha. Tu és fruto do que escolhestes tempo atrás, produto de decisões e setas, que lhe guiaram, mesmo que as tenha ignorado de certo modo. 
     Uma vez que não há negabilidade na verdade da existência de que somos o que um dia quiséramos ser, mesmo que de fato, não tenhamos percebido a escolha se formar à frente dos olhos; ela se formou. Como desestruturar o sentido da complexidade, e tornar nossas decisões mais fáceis? Aaah, meu querido amigo, não há resposta! O Empirismo da vida é mais antigo e forte do que nossas boas intensões em tornar sentimentos algo fácil, guiando-nos em direção ao erro, ao erro, ao erro, para depois ajudar-nos a construir a verdade e sabedoria; infelizmente, por meio do erro. 
     Pois não tenha medo! Viver é ser empirista! É moldar-se à base da complexidade das escolhas; é temê-las, mas escolhe-las no final; pois a lealdade ao que fizestes, é o que realmente molda teu caráter. 

Elcimar Reis. 

Você também pode gostar:

Comentários
2 Comentários

2 mil comentários

  1. Adorei o estilo do seu blog e textos , vou sempre dar uma passada aqui ganhou um leitor ♥

    http://meioquetipoassim.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ah, as escolhas. Elas estão sempre aí. Como sempre, um belo texto!
    Beijos,

    http://milimetrosegundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

+ Lidas