Crônica de um universo paralelo.

20:49

Imagem de moon

O universo é algo relativo. 
Cada pessoa possui seu próprio universo, e para cada um existem inúmeras coisas extremamente importantes. Porém, o que lhe é importante talvez não me seja. E talvez o que eu mais ame no mundo não lhe faça sentir-se da mesma forma. No meu mundo as pessoas gastam uma grande parte da vida procurando um amor verdadeiro com quem poderá sorrir, abraçar e sonhar. Foi olhando estas pessoas que decidi que haveria de buscar o tal amor desde cedo, pois não poderia perder tanto tempo o procurando. Tempo é algo importante no meu universo. Tenho certeza que terás dificuldade em imaginar minha felicidade quando lhe encontrei. Quando vi em teus olhos, teu sorriso e na tua presença exatamente o que procurara. Tudo foi tão rápido e em tanto pouco tempo. Eu lhe olhava e meus pensamentos atravessam outros mundos, e em cada um buscava o que ali havia de melhor. Quando terminaram de viajar o universo trazendo apenas os bons ideais e os melhores sonhos, meus pensamentos já entendia que eu lhe amava. Cativar também é importante no meu mundo, e tu me cativastes tanto! Assim como o tempo, também existe importância nos pequenos momentos, pois são estes que me trazem felicidade. É importante olhar os universos alheios para realmente conhecer o teu. Já viajei por tantos planetas e estrelas! Aah! Mas afirmo-lhe que a experiência em conhecê-los apenas me mostrou que o teu universo é onde quero viver e morar pela eternidade. Que jamais seria capaz de suportar a perda em conhecer-te melhor e amar-te mais. Não consigo imaginar-me em outro mundo que não seja o teu. Respiro teu ar, caminho teu chão, vejo teus horizontes. Tu me aceitastes como um penetra em teu mundo, mas depois de conhecer-me melhor e de também visitar-me em meu pequeno universo de coisas simples, suponho que tenha percebido que para sempre iremos visitar o universo um do outro, num ciclo sem fim, porque para mim apenas o teu universo basta e para ti também assim deva ser. 

Elcimar Reis. 

Você também pode gostar:

Comentários
11 Comentários

11 mil comentários

  1. Estava precisando ler algo assim. Tem sempre aqueles dias, em que a desilusão me bate a porta e se eu deixar entrar, já era. Que bom que li esse texto antes. Amor de texto.
    Um abraço,
    http://juliet-in-crisis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. oi, oi.

    que textinho mais amor. adorei! <3 eu super concordo de que a gente é incentivado tão cedo a amar; a buscar a pessoa certa pra gente. sorte tem quem encontra com facilidade. e quem só quebra a cara?

    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
  3. No incio visitar o universo do outro é algo essencial, mágico, necessário. Mas ao passar do tempo esse universo pode ser considerado mais restrito e cada vez que a gente tenta entrar a pessoa o fecha, inibe você de sentir o que sentia com ela antes de tudo. Comigo foi assim. Infelizmente.
    Beijo,
    paraisodemenina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Belíssima cronica, rapaz. Intensa e apaixonada. Até o titulo, mito bem escolhido, títulos são importantíssimos! Muito boa! Tem talento, hein? Abraços.

    ResponderExcluir
  5. "Assim como o tempo, também existe importância nos pequenos momentos, pois são estes que me trazem felicidade." Nossa, a mais pura verdade!
    Abraços^^

    www.ricknegreiros.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Aaawn, que texto lindo. AMEI <3.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Amei!! Seu blog está maravilhoso
    bj bj
    http://p3ssoasdepapel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. gente que talento é esse, para mim pessoas que escrevem tem o maior talento do mundo e você tem, amei essa crônica, amei seu blog e estou seguindo beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Amo tudo que é relacionado ao universo, lendo sua cronica não foi diferente! Lindo demais <3

    http://blogexplicita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Haha, lí a cronica com a música Naúfrago de Scalene, "Cada um carrega um mundo singular Repleto de nuances". Curti de mais tua crônica. Enfim voltei, esta com saudades de teus textos maravilhosos e as surpresas que eu encontrava em cada linha.

    Abraços,

    {Blog Pensamentos Irreais}  {Twitter}   {Fan Page}


    ResponderExcluir
  11. Doce parágrafo! Ultimamente meu universo pessoal tem ficado um pouco obscuro devido aos medos que o adentraram, mas em geral também ele é receptivo, e também eu gosto de passear pela alma das outras pessoas...

    ResponderExcluir

Já curtiu?

+ Lidas